Segredos de um café da manhã perfeito: Faial Prime Suites aposta na produção própria para oferecer qualidade e variedade

É recomendado manter uma alimentação equilibrada e realizar três refeições mais completas, além de lanches leves entre elas. Com isso, há praticamente uma unanimidade entre médicos e nutricionistas sobre a importância do café da manhã para o bom funcionamento do organismo.

Por ser primeira refeição após um longo período de jejum, o café da manhã deve conter nutrientes que reabasteçam e “despertem” as células e que ofereçam energia para as atividades do dia. E quem costuma viajar e tomar café da manhã em hotéis, geralmente, tem à disposição uma variedade de alimentos e bebidas maior que em casa, e o desafio acaba sendo fazer escolhas e combinações que sejam, ao mesmo tempo, saudáveis e gostosas.

Para ajudar os hóspedes nessa escolha, o Faial Prime Suites prepara a maior parte dos alimentos oferecidos em seu café da manhã (tanto no buffet quanto no serviço de quarto). Todos os dias, diversos pães, bolos, tortas doces e salgadas, geleias e tapiocas são preparados com ingredientes selecionados, e servidos com frios, ovos, frutas etc.

[Leia também: Como aproveitar melhor sua estadia em um hotel]

Sempre com o cuidado de oferecer opções para celíacos e intolerantes à lactose, com todos os cuidados de boas práticas de manipulação de alimentos, para que não haja contaminação cruzada. Assim, seja qual for o perfil e a preferência dos hóspedes, o Faial Prime Suites tem opções para um café da manhã nutritivo e saboroso.

CAFÉ DA MANHÃ EM HOTEL: COMO COMBINAR OS ALIMENTOS E CRIAR UMA REFEIÇÃO COMPLETA

Pessoas que não fazem dieta restritiva devem ingerir porções de carboidrato, proteína e vegetais em todas as refeições. Dentro desses grupos alimentares, é importante variar os alimentos, para nutrir o organismo com mais vitaminas e minerais. Quem tem o hábito de tomar café da manhã nutritivo tende a ter melhor rendimento em atividades que exigem atenção e foco, e apresenta melhor desempenho em testes de memória. Além disso, o café da manhã age no organismo melhorando a saúde intestinal, a saúde cardiovascular, o ganho de massa muscular e ativando o metabolismo energético.

Considerando a regra básica da nutrição: a variedade de grupos alimentares e de alimentos dentro de cada grupo, é possível montar diversas combinações com as opções que geralmente são oferecidas em cafés da manhã dos hotéis.

Para começar bem o dia, inclua no seu café da manhã, uma porção de:

- Frutas frescas, que também podem ser consumidas como saladas de frutas ou como sucos;

- Gordura boa (oleaginosas, como nozes ou castanhas, azeite de oliva ou óleo de coco, por exemplo);

- Proteína, que pode vir de ovos, leite, iogurte, queijos, derivados de soja ou patê de atum, por exemplo;

- Carboidrato, de preferência integral e/ou com baixo índice glicêmico, como pão integral, tapioca com chia ou quinoa, bolo integral ou feito com farinha de arroz etc.;

- Café ou chá, de preferência sem açúcar (ou adoçados com mel ou com açúcar mascavo).

Com esses grupos alimentares, você pode criar cardápios, como:

Café da manhã básico – sanduíche de pão integral com queijo fresco, rodelas de tomate e folhas de manjericão (frio ou tostado), uma fatia de mamão com farinha de flocos de aveia, café puro ou com leite.

Café da manhã proteico – uma banana amassada com um fio de mel e uma colher pequena de cacau em pó, dois ovos mexidos, uma fatia de queijo branco, e água de coco ou suco natural.

Café da manhã light – crepioca (um ovo com uma colher de tapioca), recheada com tomate e manjericão, uma fatia de melão ou uma xícara de morangos, uma xícara de chá da sua preferência, sem açúcar.

Café da manhã sem glúten e sem lactose – tapioca recheada com tofu ou com mel e banana, salada de frutas, café ou chá.

As quantidades podem variar de acordo com a necessidades de cada pessoa. O ideal é variar o cardápio e ter sempre um café da manhã especial.