Segredos de um café da manhã perfeito: Faial Prime Suites aposta na produção própria para oferecer qualidade e variedade

É recomendado manter uma alimentação equilibrada e realizar três refeições mais completas, além de lanches leves entre elas. Com isso, há praticamente uma unanimidade entre médicos e nutricionistas sobre a importância da primeira refeição do dia para o bom funcionamento do organismo.

Por ser primeira refeição após um longo período de jejum, o café da manhã deve conter nutrientes que reabasteçam e “despertem” as células e que ofereçam energia para as atividades do dia. E quem costuma viajar e tomar café da manhã em hotéis, geralmente, tem à disposição uma variedade de alimentos e bebidas maior que em casa, e o desafio acaba sendo fazer escolhas e combinações que sejam, ao mesmo tempo, saudáveis e gostosas.

Para ajudar os hóspedes nessa escolha, o Faial Prime Suites prepara a maior parte dos alimentos oferecidos em seu café da manhã (tanto no buffet quanto no serviço de quarto). Todos os dias, diversos pães, bolos, tortas doces e salgadas, geleias e tapiocas são preparados com ingredientes selecionados, e servidos com frios, ovos, frutas etc.

[Leia também: Como aproveitar melhor sua estadia em um hotel]

Sempre com o cuidado de oferecer opções para celíacos e intolerantes à lactose, com todos os cuidados de boas práticas de manipulação de alimentos, para que não haja contaminação cruzada. Assim, seja qual for o perfil e a preferência dos hóspedes, o Faial Prime Suites tem opções para um café da manhã nutritivo e saboroso.

CAFÉ DA MANHÃ EM HOTEL: COMO COMBINAR OS ALIMENTOS E CRIAR UMA REFEIÇÃO COMPLETA

Pessoas que não fazem dieta restritiva devem ingerir porções de carboidrato, proteína e vegetais em todas as refeições. Dentro desses grupos alimentares, é importante variar os alimentos, para nutrir o organismo com mais vitaminas e minerais. Quem tem o hábito de tomar café da manhã nutritivo tende a ter melhor rendimento em atividades que exigem atenção e foco, e apresenta melhor desempenho em testes de memória. Além disso, o café da manhã age no organismo melhorando a saúde intestinal, a saúde cardiovascular, o ganho de massa muscular e ativando o metabolismo energético.

Considerando a regra básica da nutrição: a variedade de grupos alimentares e de alimentos dentro de cada grupo, é possível montar diversas combinações com as opções que geralmente são oferecidas em cafés da manhã dos hotéis.

Para começar bem o dia, inclua no seu café da manhã, uma porção de:

- Frutas frescas, que também podem ser consumidas como saladas de frutas ou como sucos;

- Gordura boa (oleaginosas, como nozes ou castanhas, azeite de oliva ou óleo de coco, por exemplo);

- Proteína, que pode vir de ovos, leite, iogurte, queijos, derivados de soja ou patê de atum, por exemplo;

- Carboidrato, de preferência integral e/ou com baixo índice glicêmico, como pão integral, tapioca com chia ou quinoa, bolo integral ou feito com farinha de arroz etc.;

- Café ou chá, de preferência sem açúcar (ou adoçados com mel ou com açúcar mascavo).

Com esses grupos alimentares, você pode criar cardápios, como:

Café da manhã básico – sanduíche de pão integral com queijo fresco, rodelas de tomate e folhas de manjericão (frio ou tostado), uma fatia de mamão com farinha de flocos de aveia, café puro ou com leite.

Café da manhã proteico – uma banana amassada com um fio de mel e uma colher pequena de cacau em pó, dois ovos mexidos, uma fatia de queijo branco, e água de coco ou suco natural.

Café da manhã light – crepioca (um ovo com uma colher de tapioca), recheada com tomate e manjericão, uma fatia de melão ou uma xícara de morangos, uma xícara de chá da sua preferência, sem açúcar.

Café da manhã sem glúten e sem lactose – tapioca recheada com tofu ou com mel e banana, salada de frutas, café ou chá.

As quantidades podem variar de acordo com a necessidades de cada pessoa. O ideal é variar o cardápio e ter sempre um café da manhã especial.

Conhecendo Florianópolis: Praias e cultura açoriana estão entre as atrações do sul da Ilha da Magia

A Ilha de Santa Catarina, que abriga parte da capital catarinense, Florianópolis, é rica em festas, cultura e, claro, belezas naturais! Nos quatro cantos, é possível encontrar paisagens de tirar o fôlego e atrações para todas as idades. O sul da Ilha da Magia se caracteriza pelas praias de mar grosso e aspecto selvagem e por recantos açorianos que enchem os manezinhos de orgulho e encantam os turistas. Por isso, quem vem a Florianópolis deve reservar alguns dias para aproveitar tudo que o lado sul da Ilha tem a oferecer.

FLORIPA: O QUE FAZER NO SUL DA ILHA DA MAGIA

Ilha do Campeche

Um paraíso de Mata Atlântica, águas cristalinas em azul turquesa, mar calmo e areia branca. Um cenário que lembra as famosas praias do Caribe, assim é a Ilha do Campeche, um Patrimônio Arqueológico, Etnográfico e Paisagístico Natural, tombado pelo Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). A ilha tem valor histórico, devido aos sítios arqueológicos e dezenas de inscrições rupestres. As pinturas ajudam a contar a história dos primeiros habitantes da região).

Há também grande valor ambiental. Inúmeras espécies de animais terrestres e aquáticos e plantas têm o lugar como berço. Por isso, a entrada na Ilha do Campeche é restrita e todo o tempo de permanência é monitorado. São permitidos até 800 visitantes por dia, e cada pessoa pode permanecer no local por até quatro horas. O acesso é feito de barco (há embarcações autorizadas saindo das praias da Armação, Barra da Lagoa e Campeche).

Para os mais aventureiros, é possível explorar a Ilha através das trilhas – sempre com a companhia de um guia autorizado – e fazer mergulhos. As águas cristalinas permitem a observação de peixes por até 10 metros de profundidade. Quem prefere relaxar e aproveitar a vista, há um restaurante no local, mas também é permitido (e recomendado) levar lanches e bebidas para consumo próprio. Sempre com o cuidado de levar embora o lixo produzido e ter atenção com os quatis, que se aproveitam da simpatia para roubar comida dos visitantes.

Parque Nacional da Lagoa do Peri

A Lagoa do Peri atrai famílias inteiras em todas as estações.  Oferece água morna e limpa – o lugar tem a certificação internacional Bandeira Azul, que atesta a qualidade da água e a sustentabilidade da gestão ambiental do Parque. É disputada por adultos e crianças durante o verão e tem local ótimo para fazer piquenique, soltar pipa e brincar no playground. Ainda, abriga o Projeto Lontra, onde é possível visitar os animais e conhecer um pouco mais sobre seus hábitos e a importância de preservar a espécie.

A Lagoa do Peri é o maior manancial de água potável da Ilha e sua reserva biológica possui um dos maiores e mais preservados trechos de Mata Atlântica do Sul do Brasil. Seus 5,2 km2 são tombados como Patrimônio Natural e abrigam espécies como lontras, macacos-prego, gralhas azuis e jacarés-de-papo-amarelo. O local tem, ainda, trilhas, como a que leva à cachoeira da Gurita, em uma das pontas opostas à entrada do parque. Esse trajeto reserva algumas surpresas.

Há pedaços de construções de antigos engenhos de farinha do século XVIII e a casa dos irmãos Israel e Osni, únicos moradores e uma espécie de guardiões da Gurita. Eles também são responsáveis por trazer de barco os visitantes que desejarem voltar pela Lagoa, explorando um dos visuais mais surpreendentes de Floripa.

Trilha da Lagoinha do Leste e Trilha de Naufragados

Diversão, muito contato com a natureza e belos cenários são as recompensas de quem se aventura pelas trilhas de Florianópolis. As três mais conhecidas do sul da Ilha são as que levam à praia da Lagoinha do Leste e à praia de Naufragados. Para a Lagoinha do Leste, é possível sair do Pântano do Sul e andar por cerca de uma hora e meia. Esse trecho é mais inclinado, mas é feito por mata fechada e é mais indicado para quem tem pouco preparo físico.

Para quem deseja mais aventura, tem a trilha que sai da praia do Matadeiro, com cerca de três horas de duração e alguns desafios, como pedras e desfiladeiros. A Lagoinha do Leste é a praia mais selvagem, preservada e paradisíaca de Florianópolis.

[Leia também: Uma viagem pela história dos principais pontos turísticos de Florianópolis]

Também paradisíaca é a praia dos Naufragados, na qual se chega em cerca de 45 minutos de caminhada por uma trilha razoavelmente fácil e muito bem sinalizada. Naufragados faz parte do Parque Estadual da Serra do Tabuleiro e está em área de preservação. Uma das atrações do lugar é a Fortaleza de Araçatuba (no momento, fechada para visitação), que data do século XVIII, o Farol dos Naufragados e a bateria de canhões.

Tanto na Lagoinha do Leste quando em Naufragados, é possível chegar ou sair também de barcos, mas é preciso ficar atento, pois esse serviço nem sempre está disponível fora da temporada.

Fazendas de ostras e gastronomia no Ribeirão da Ilha

A gastronomia é elemento fundamental da cultura açoriana, e isso se reflete nas diferentes rotas gastronômicas de Florianópolis. No continente, há a rota de Coqueiros e Itaguaçu, ao norte, há a de Santo Antônio de Lisboa, por exemplo. A rota gastronômica do Ribeirão da Ilha se destaca não somente pelos sabores dos pratos à base de frutos do mar – especialmente das ostras, cultivadas na mesma praia –, como também pelo charme do casario da Freguesia.

São construções dos séculos XVII e XVIII, muitas estão na mesma família há duzentos anos. Dão indícios de como era a vida no segundo bairro colonizado em Nossa Senhora do Desterro (como se chamava Florianópolis durante o Brasil colonial), após a chegada dos portugueses.

Além desses lugares, há, obviamente, praias incríveis, como o Campeche, o Matadeiro, o Morro das Pedras, a Armação, o Pântano do Sul, os Açores e a Solidão, para citar as mais famosas. Cada uma dela com características próprias, mas todas preparadas para receber moradores e visitantes todos os dias do ano.

Faial Prime Suites reforça seu compromisso com clientes e funcionários para impulsionar o turismo de temporada e o turismo de eventos em Florianópolis

Nós, do Faial Prime Suites, temos como pilares de conduta a hospitalidade, o acolhimento e a empatia. Sabemos que o momento que estamos vivenciando é desafiador e exige, mais do que nunca, preocupação e zelo com clientes, funcionários, prestadores de serviços e parceiros. Por essa razão, estamos pautando nossas ações segundo as determinações da Organização Mundial da Saúde (OMS) e da Prefeitura Municipal de Florianópolis (PMF). Por isso, acatamos as medidas necessárias para evitar o aumento da contaminação por coronavírus, como o fechamento da unidade e a suspensão das atividades de hospedagem e de alimentação até que a Prefeitura Municipal julgue seguro o retorno das atividades.

Também orientamos nossos colabores para que redobrem os cuidados pessoais, prezando pela higiene e pelo uso de máscaras caso precisem sair de suas casas. Esses esforços estão alinhados com a missão do Faial, de ajudar a promover o turismo de temporada e o turismo de evento em Florianópolis, oferecendo serviços de excelência, sempre priorizando o conforto, o bem-estar e a segurança os clientes.

SERVIÇOS DE EXCELÊNCIA: UMA MARCA REGISTRADA QUE AJUDA A FORTALECER O TURISMO DE FLORIANÓPOLIS

A história do Faial Prime Suites começa em 1979, quando o Hotel Faial iniciou suas atividades no Centro de Florianópolis. Surge como uma opção de hospedagem corporativa e para turistas que buscavam a região central da cidade pela localização e pela facilidade para acessar outros pontos da Ilha e do continente. Assim, em poucos anos, graças às acomodações amplas e modernas e aos serviços de excelência, o Faial logo se tornou referência em hospedagem em Florianópolis.  Sempre atento às necessidades dos clientes, às mudanças na cidade e às inovações tecnológicas.

Desde a criação do Faial, Florianópolis deixou de ter o turismo de temporada como principal atividade econômica e passou a ser parte importante do calendário de turismo de eventos do Brasil, mudança impulsionada, sobretudo, pelo surgimento e crescimento do polo tecnológico. Atualmente, responsável por grande parte das vagas de emprego e da geração de renda da capital catarinense. Essa mudança de cenário exigiu alguns esforços da diretoria do então Hotel Faial. Após reformas e readequações operacionais, surgiu o Faial Prime Suites, com um novo conceito, mais moderno e mais alinhado com a demanda do mercado.

Em pouco tempo, o Faial Prime Suites voltou a figurar no topo da hospedagem corporativa e de turismo da capital catarinense. O expressivo crescimento no cenário hoteleiro da cidade e os ótimos resultados no posicionamento de mercado renderam ao Faial alguns prêmios. Como o Prêmio Líderes LIDE de Santa Catarina e o Top de Marketing ADVB/SC, ambos na categoria "serviços, em 2018, e o Certificado de Excelência do Tripadvisor, em 2019. Ainda em 2019, recebeu o Prêmio Líderes LIDE de Santa Catarina, pelo segundo ano consecutivo, desta vez na categoria "turismo". Essas certificações e prêmios nos mostram que estamos no caminho certo e, por isso, seguimos agindo com responsabilidade e cautela, priorizando o bem-estar coletivo.

Conheça os erros mais comuns cometidos por quem viaja de avião e não erre na próxima viagem

Quem viaja sabe que muitos “perrengues” são inevitáveis e alguns até têm certa graça e enriquecem a experiência. Porém, muitos problemas causam estresse e podem estragar sua viagem, e a maioria deles pode, sim, ser evitadas. Conhecer os erros mais comuns cometidos em viagem de avião é a melhor maneira de não errar.

Para que tudo corra da melhor maneira na sua próxima viagem, confira a lista dos erros por quem viaja de avião.

- Comprar um voo longo com muitas conexões: Passagens com preço muito mais baixo que o comum, geralmente, indicam a existência de muitas conexões (algumas com troca de aeroporto e/ou de companhia aérea). Antes de comprar as passagens, calcule o tempo que será perdido em conexões, pois, em alguns casos, você poderá perder muitas horas e até dias da viagem aguardando em aeroportos.

- Fazer conexão por conta própria: Quando houver necessidade de trocar de voo, compre voos com conexão vendidos conjuntamente pela mesma companhia aérea, pois, caso haja qualquer problema (como atraso ou cancelamento) com o primeiro voo que interfira na sua presença no voo seguinte, cabe à companhia aérea garantir sua alocação no próximo voo.

- Não observar se há exigência de visto nas conexões: Alguns países exigem vistos de trânsito para passageiros em conexão.

- Não verificar se as conexões exigem troca de aeroporto: Isso é bastante comum em cidades com mais de um aeroporto. Em alguns casos, o voo para em uma cidade vizinha e você precisa de muito tempo para se locomover até o aeroporto de onde sairá o voo seguinte, um exemplo comum é um voo chegar em Viracopos (Campinas,
SP) e o outro sair de Cumbica (Guarulhos, SP).

[Leia também: Inteligência artificial em hotéis: praticidade para o hóspede]

- Comprar a passagem em cima da hora: Embora exista grande oferta de passagens compradas para o dia seguinte e até para o mesmo dia, elas devem ser aproveitadas por viajantes mais impulsivos e que tenham disponibilidade de arrumar as malas e preparar uma viagem com algumas horas de antecedência. De maneira geral, deixar para comprar passagens em cima da hora causa prejuízo. Segundo estatísticas de sites especializados em venda de passagens e pacotes turísticos, os melhores preços são os de passagens compradas entre 60 e 120 antes da data do embarque.

- Chegar atrasado para o check-in e embarque: É preciso observar o horário em que deverá estar no aeroporto para realizar o check-in e despachar a bagagem sem atropelos e conseguir chegar tranquilamente no embarque. Em voos nacionais, é indicado chegar entre 45 e 60 minutos antes do voo, para voos internacionais, entre duas e três horas antes.

- Ignorar a franquia de bagagem: Esse é um erro que costuma causar prejuízos em viagens internacionais. Por exemplo, quando você sai do Brasil para alguma uma cidade da Europa, como Paris, é permitido levar uma mala grande (ou até 23 quilos de bagagem despachada), porém se a viagem contemplar outras cidades europeias e você
for de Paris a Madrid em uma companhia low cost, cada mala terá que ser paga a parte, e o valor cobrado pelo excesso de bagagem pode ser bem alto.

- Não usar roupas confortáveis: Muitas vezes nos preparamos para estar bonitos nas fotos das redes sociais e acabamos nos esquecendo do conforto. Como viagens são eventos em que rendem muitos clicks e posts, é comum que as pessoas invistam em “looks” mais elaborados que acabam atrapalhando durante o voo. O ideal é usar roupas de tecidos naturais e modelagem mais ampla – principalmente em voos longos, quando nosso corpo retém líquido e incha –, calçados fechados e sem saltos e acessórios pequenos, que não atrapalhem a movimentação na poltrona ou nos corredores.

Entenda qual é o modelo de evento corporativo ideal para a sua empresa

Difundir conhecimentos, debater ideias, divulgar produtos e promover interação entre parceiros, funcionários e clientes. Essas são algumas funções dos eventos corporativos, eventos que trazem inúmeros benefícios tanto para quem organiza quanto para quem participa. Embora recebam a classificação de “eventos corporativos”, eles podem ser de diversos formatos, dependendo do seu propósito, que deve ser determinado pelo público-alvo, pela intenção do organizador, do local, da duração, entre outras inúmeras variáveis.

Abaixo listamos os tipos mais comuns de eventos corporativos e as principais características de cada um para ajudar você a diferenciar e entender qual o modelo mais adequado para sua empresa ou ocasião.

 

TIPOS DE EVENTOS CORPORATIVOS

 

Palestras

Palestras são eventos curtos, que duram algumas horas e que abordam um tema bastante específico de uma área de conhecimento ou de atuação. As palestras podem ser instrutivas, motivacionais ou comportamentais e seu formato é de explanação, sem aprofundamento de conteúdo. Em eventos maiores, as palestras fazem parte da grade de atividades disponíveis, mas elas podem, também, acontecer isoladamente.

Congressos

São eventos de grande porte que ocorrem durante um determinado período, geralmente uma semana ou um fim de semana. Nos congressos acontecem inúmeras atividades - palestras, feiras, mesas-redondas –, como se fossem pequenos eventos. Os congressos, em geral, atraem grande público de um determinado setor e contam com a presença de profissionais renomados.

Em geral, a temática gira em torno de interesses específicos da área de atuação dos participantes, que podem ser associações de classe, universidades, órgãos públicos, empresas privadas, estudantes e profissionais liberais.


Simpósios

Os simpósios são eventos que contam com especialistas em um determinado assunto e têm a presença de um moderador, que apresenta e media a conversa, concedendo direito de resposta, abrindo para perguntas e cuidando do tempo de explanação de cada participante. Em um simpósio os participantes expõem seus pontos de vista para o público presente. Mesmo com participantes expondo sua opinião, esse modelo de evento se diferencia dos debates pelo seu caráter mais “amigável”. Em geral, são convidadas pessoas que não tenham grandes divergências sobre o assunto tratado. Assim, a conversa flui no sentido de reforçar ou complementar a fala do outro, ao invés de discutir. O ponto central de um simpósio é o debate de um tema por parte dos oradores, mas de forma expositiva, ou seja, cada um mostrando o seu ponto de vista.  Não há propriamente uma discussão direta entre eles — como em uma mesa-redonda, por exemplo. Por isso, os simpósios são comuns no meio acadêmico, como forma de apresentar descobertas e transmitir conhecimentos.

Convenções

São eventos que se assemelham, quanto ao formato, aos congressos, mas se diferenciam pelo fato de serem mais específicos e, em sua maioria, não abertos ao público em geral. As convenções podem ser consideradas reuniões de classe de grande porte. É comum as empresas organizarem convenções com suas equipes separadamente e oferecer uma série de atividades relacionadas ao setor de atuação. O formato é bastante usado, também, por colégios, universidades, sindicatos, lideranças empresariais e partidos políticos. As convenções visam aumentar o engajamento dos funcionários nos interesses e propósitos da empresa. Para reforçar essa intenção, as convenções costumam ter uma confraternização no fim e, não raramente, premiações.

Feiras e showrooms

As feiras de negócios reúnem diferentes empresas do mesmo ramo, expondo produtos ou oferecendo serviços em um mesmo ambiente, enquanto os showrooms são exposições de produtos de uma única empresa, normalmente realizados em lançamentos, para apresentar as novidades aos clientes ou ao público em geral. O objetivo desses eventos, além de aumentar as vendas, obviamente, é fazer contatos e aumentar a rede de potenciais clientes.  Esses são apenas alguns exemplos de eventos corporativos, os mais comuns. E, seja qual for o formato escolhido para o próximo evento da sua empresa, escolha uma das salas do Faial Prime Suites e tenha todos os benefícios de um hotel preparado para receber sua equipe e convidados no Centro de Florianópolis

Saiba quais as vantagens de fazer seu evento corporativo em hotel

O sucesso de um evento corporativo depende do seu planejamento e, inevitavelmente, a escolha do local é um dos fatores determinantes. Para que tudo saia conforme o previsto e agrade a todos os envolvidos: público, palestrantes / convidados, organização, prestadores de serviços, a otimização do tempo é algo a se levar em conta, principalmente na questão do deslocamento.

Para isso, é preciso considerar algumas qualidades do local, que influenciarão diretamente na experiência dos participantes e no aproveitamento do evento. Os principais fatores que devem ser observados estão listados a seguir, para ajudar você a nortear sua escolha.

Uma localização estratégica deve considerar facilidade de acesso e tempo de deslocamento médio: O local do evento deve o mais ser central possível, assim o tempo de deslocamento geral diminui. Isso é principalmente importante quando não se tem conhecimento específico do público, ou seja, deve-se considerar que os participantes virão de todas as regiões da cidade, e, considerando a coletividade, um local no Centro tende a ser o melhor ponto. Além disso, o Centro das cidades costumam ser mais bem atendidos por transportes públicos, táxis e carros de aplicativos, e terem opções de comércio, turismo e lazer, para as horas de descanso e intervalo das atividades.

A infraestrutura deve ser completa e prezar pela segurança e pelo conforto dos participantes: O local escolhido deve oferecer infraestrutura completa e de qualidade, de modo que todos os participantes se sintam confortáveis. Isso inclui desde o tamanho das salas; qualidade do palco, luz, som e demais equipamentos; estruturas de acessibilidade; banheiros limpos e em boa quantidade; conforto acústico, térmico e visual; conexão com internet; equipamentos anti-incêndio; segurança patrimonial, etc.

Serviços de auxílio a eventos enriquecem a experiência e garantem melhor relação custo x benefício ao organizador: Além do espaço propriamente dito, alguns lugares, como os hotéis, oferecem serviços como segurança privada, coffee break ou coquetéis e recepção aos convidados incluídos nos pacotes disponíveis. Tudo isso melhora a relação dos participantes com o local e ainda facilita a vida e traz economia para os organizadores.

 

MOTIVOS PARA ESCOLHER UM HOTEL PARA REALIZAR SEU EVENTO CORPORATIVO

Considerando os itens mencionados, pode-se concluir que hotéis, como o Faial Prime Suites, com salas e outros espaços para a realização de eventos corporativos são lugares ideais para abrigar eventos corporativos. Desde uma reunião de equipe até um congresso de médio ou grande porte. Entre as principais vantagens de se escolher um hotel para realizar seu próximo evento corporativo, estão:

- Contar com salas com estrutura completa e com opções de alteração de layout para atender melhor cada evento e com equipamentos de luz, som e informática de alta qualidade;

- Possibilidade de os palestrantes / convidados ficarem hospedados no próprio hotel, o que diminui os gastos com transporte e o tempo de deslocamento;

- Estacionamento próprio ou por convênio;

- Diversas opções de alimentação, como coffee break, coquetel ou buffet para almoço ou janta, com a possibilidade de cardápios desenvolvidos para pessoas com restrições ou alergias alimentares;

- Apoio da equipe do hotel, sempre pronta para orientar e auxiliar da melhor maneira todos os participantes, convidados e organizadores.

 

Carnaval 2020 em Florianópolis: Hospede-se no Centro e aproveite todas as festas

O Carnaval 2020 em Florianópolis é um dos mais esperados do Brasil. Com atrações para todos os gostos e idades, de música eletrônica a escolas de samba, de blocos de rua a bailinhos infantis, a folia em Floripa é animada e democrática.

E como a festa se espalha pelos quatro cantos da Ilha, ficar hospedado no Centro é a melhor opção. Além do Carnaval de rua, que é o forte do Centro de Florianópolis, a localização estratégica permite se locomover facilmente para as praias e até para o continente. Tudo isso para aproveitar ao máximo os festejos de Momo.

Se você vem passar o Carnaval em Floripa com a família, com os amigos, com seu amor ou até sozinho, confira o roteiro do Faial Prime Suites, com as mais diversas festas que prometem agitar a cidade!

ROTEIRO CARNAVAL 2020 EM FLORIANÓPOLIS

Blocos de rua

Shows públicos

21/02, 18h - Show com Art Popular, Praça Fernando Machado, Centro
22/02, 18h - Show com Buchecha, Praça Fernando Machado, Centro
23/02, 18h - Show com Molejo, Praça Fernando Machado, Centro
24/02, 18h - Apresenta Pop Gay com Ludmilla Anjos e Rita Cadillac, Praça Fernando Machado, Centro

 

Bailinhos infantis

23/02, às 16h - Baile infantil do Lagoa Iate Clube
Com cama elástica, piscina de bolinhas, castelinho inflável, tombo legal e recreação são as atrações da festa.
Ingressos: R$ 20,00 (inteira), R$ 10,00 (meia entrada), e sócios do LIC não pagam ingresso com apresentação da carteirinha

23/02, às 15h - Carnaval infantil em Santo Antônio de Lisboa
O tradicional carnaval de rua de Santo Antônio de Lisboa recebe as crianças para muita dança e brincadeira na tarde de domingo. Onde: Santo Antônio de Lisboa
Entrada gratuita.

23 e 25/02, das 16h às 20h - Lira Tênis Clube
A festa no Lira Tênis Clube terá concurso de fantasias, show com bateria de escola de samba e muitas atrações para as crianças.
Ingressos: Sócios pagam R$ 10,00, e não-sócios pagam R$ 25,00. Crianças de até dois anos não pagam.

21 e 23/02, das 15h às 18h - Bailinho de Carnaval do Floripa Shopping
Este ano, a folia será no jardim em frente ao shopping (a estrutura contará com uma área coberta) e terá atrações, como a bateria da escola de samba União da Ilha da Magia e a Banda da Tia Lyly.
As crianças poderão se divertir, também, com concurso de fantasia, cama elástica, pintura facial, outras atividades recreativas.
A entrada é 1kg de alimento não perecível.

Dia 23/02, das 15h às 18h - Porto Belo Outlet Premium
Muitas atrações como DJ, pista de dança, personagens de circo, malabaristas e camarim de pintura serão oferecidos gratuitamente no dia 23 de fevereiro a partir das 15h até às 18. Além disso, o Quintal Brincar desse mês irá desenvolver oficinas de máscaras de fantasia para garotada entrar no clima! Serão distribuídos brindes das lojas infantis, sorvete e geladinho.
A entrada é gratuita. O Porto Belo Outlet Premium fica na Grande Florianópolis e possui serviço de transporte gratuito para clientes. Para saber mais, basta acessar o site do shopping.

 

Desfile das Escolas de Samba

As dez escolas de samba de Florianópolis e região (entre grupo de acesso e grupo especial) desfilarão na passarela do samba Nego Quirido, no Centro, no sábado de Carnaval, dia 22, com portões abertos a partir das 17h.

Os ingressos para arquibancada custam a partir de R$ 40, e há diversos camarotes com sistema open bar e open food e programação própria.

Além disso, há dezenas de shows nacionais e internacionais e festas privadas em casas noturnas. Se essa for a sua praia, vale uma busca nas redes sociais desses lugares.

Ainda dá tempo de garantir sua suíte no Faial Prime Suites! A 800 metros da Passarela Nego Quirido, e a menos de 500 metros dos principais blocos do Centro de Florianópolis. Conheça os pacotes para o Carnaval 2020!

Planejamento de eventos empresariais: entenda como ter sucesso na sua organização

Passadas as festas de fim de ano é hora de começar a pensar de maneira mais consistente nas metas para 2020. Quem trabalha com eventos ou deseja fazer um evento corporativo em 2020 deve saber que quanto antes iniciar os trabalhos, mais chances de engajamento, participação e bons resultados. O planejamento de eventos empresariais é fundamental para quem quer ter sucesso. Além de evitar atropelos e reduzir a margem de erro.

Por isso, se você vai organizar um evento corporativo este ano, atente para estas dicas e não perca mais tempo! 

 

1º passo: PLANEJAMENTO do evento empresarial!

É impossível falar em organização de evento, seja ele corporativo, social, esportivo ou de qualquer natureza, sem falar em planejamento. E quanto mais antecedência, melhor. Afinal, você e sua equipe terão mais tempo hábil para se organizarem, criarem um plano B e garantirem melhor lugar, fornecedores e, claro, o melhor preço.

Nesse primeiro momento, é importante definir:

  • tamanho do evento (número de participantes)
  • qual o público-alvo
  • qual será o formato 
  • quantos dias de duração terá
  • quem serão os participantes e fornecedores

 

2º passo: escolha a data e o local

O segundo passo é a escolha da data. E aí, novamente, quem pensa com antecedência tem vantagem, pois, em geral, há maior disponibilidade de lugar. Além disso, os fornecedores também estão com a agenda mais livre. 

Quanto ao local, é preciso que comporte o número de participantes com conforto. Que ofereça opções de alimentação dentro ou próximo e que tenha infraestrutura de som, multimídia e o que mais for necessário para que o evento aconteça.

Hotéis que possuem salas de convenção podem ser uma excelente opção para a realização de eventos corporativos. Afinal, além do espaço para realização das atividades, costumam oferecer serviços próprios de alimentação e bebida. E os convidados vindos de outras cidades podem se hospedar no mesmo lugar, sem a necessidade de gastos extras com deslocamento.

O Faial Prime Suites possui seis salas, com características próprias, que podem ser usadas com layouts variados. Tudo para atender às necessidades do seu evento corporativo. 

 

3º passo: liste as atrações e convidados

Dentro do planejamento de eventos empresariais, faça uma lista com tudo que você vai precisar para a realização do evento. Convite, alimentação e bebidas, hospedagem para os palestrantes, operadores de som e vídeo, social media, banda ou DJ para a festa de encerramento, segurança privada etc. 

A partir daí, veja o será feito pela própria empresa e o que será terceirizado e parta para a pesquisa de mercado. Nesse momento, o segredo é não ter preguiça e buscar o máximo de informação possível. Vale perguntar para colegas, ler avaliações na internet e tirar todas as dúvidas diretamente com o atendimento da prestadora de serviço.

 

4º passo: solicite os orçamentos

Quando tiver uma lista mais enxuta, somente com fornecedores que mais inspiram confiança, peça orçamentos detalhados. Assim será mais fácil de comparar os valores e optar pelo melhor custo-benefício. 

Considere que nem sempre escolher o fornecedor mais barato é o melhor negócio. Em alguns momentos, é preciso repensar a economia de dinheiro e focar na qualidade.

 

5º passo: Depois do planejamento do evento social alinhado, envie o Save The Date ou o convite. Comece a divulgação!

Quanto antes você começar a divulgação do evento, mais tempo o público-alvo terá para se organizar. Isso é especialmente importante em eventos de abrangência estadual ou nacional, em que as pessoas precisarão se deslocar de suas cidades e/ou se afastarem do trabalho por alguns dias. 

Assim que tiver data, local e a certeza de que o evento irá acontecer, crie uma estratégia de marketing digital e comece a trabalhar na divulgação.

Lista de convidados para mini wedding: dicas para definir sem estresse

Não importa se sua festa de casamento será para 50 ou para 300 convidados, a lista de convidados é sempre uma questão delicada para os noivos e pais dos noivos. A escolha das pessoas que irão compartilhar do momento tão importante para o casal pode se tornar um desafio ainda maior se os noivos optarem por um mini wedding. Por isso, nesse post vamos reunir algumas dicas para quem precisa elaborar a lista de convidados para um mini wedding.

Os mini weddings são celebrações para um número pequeno de convidados – cem, no máximo. Por isso requerem mais atenção na hora de preparar a lista de amigos e familiares. Afinal, ninguém importante pode ser deixado de fora, mas também não é possível extrapolar o limite de pessoas nem o orçamento.

Para ajudar os noivos nessa difícil tarefa, preparamos uma lista de sugestões que podem ser bastante úteis na hora da escolha dos convidados.

DICAS PARA PREPARAR A LISTA DE CONVIDADOS PARA UM MINI WEDDING

Escolham o local

Busquem um salão que comporte aproximadamente o número desejado de convidados, assim é mais fácil restringir a lista, afinal, será fisicamente impossível extrapolar o número de pessoas permitido pelo local.

A Sala Terraço, do Faial Prime Suites, é perfeita para celebrações de casamento até cem convidados. Com diversas opções de layout (para jantar, coquetel, com minipista de dança etc.) e um visual ímpar. A Sala Terraço é o cenário ideal para uma noite especial!

 

Não dependam da ajuda financeira de pais ou familiares

Para ter total liberdade de escolha na hora de selecionar os convidados, o ideal é que o casal tenha autonomia financeira e banque os gastos da festa. Quando os pais dos noivos, padrinhos ou outros familiares ajudam a pagar o casamento, não raramente, podem se achar no direito de interferir na lista. Isso pode criar atritos desnecessários.

Quando os noivos têm autonomia financeira, cabe somente a eles a escolha. Obviamente, os pais podem sugerir um ou outro convidado, mas a palavra final caberá ao casal.

Convide somente pessoas bastante próximas e queridas

Nem sempre a opção por um mini wedding é feita para reduzir os custos, muitas vezes, os noivos preferem esse formato de festa porque desejam uma cerimônia mais íntima. Ou seja, tendo ao lado apenas as pessoas mais queridas e próximas, que fazem parte do dia a dia. Isso inclui, pais, avós, irmãos e amigos mais chegados.

Nesse item, é importante frisar que ninguém precisa retribuir convites. Ou seja, não é porque o noivo foi convidado para o casamento de um colega há cinco anos que esse colega precisa ser convidado para o mini wedding.
É preciso que o casal não sinta culpa pelas suas escolhas!

 

Quanto a acompanhantes e filhos adolescentes, sejam francos com os convidados

Não é necessário convidar filhos adolescentes ou adultos dos convidados. O mesmo vale para namoros recentes ou paqueras dos seus amigos.
Explique para os amigos que o número restrito de convidados não permite convites extensivos. Eles entenderão que são importantes para o casal e respeitarão a escolha (caso contrário, nem mereceriam estar na seleta lista).

 

Planeje uma festa colaborativa de pós-casamento

O casal pode propor uma grande festa colaborativa – sem pompa e sem a necessidade de grandes gastos dos noivos, nem dos convidados – para todos que ficaram de fora do mini wedding. Outra opção é realizar pequenas recepções na casa nova.
O mais importante é não perder o foco nem estourar o orçamento. Para lidar com convidados ou com amigos e parentes que ficaram de fora da lista, uma boa dose de paciência, carinho e muita sinceridade. Certamente, ninguém ficará magoado com as escolhas dos noivos.

Leia mais: Dicas para realizar um mini wedding em Florianópolis

 

Feriados em 2020: programe a sua viagem para Florianópolis

Os feriados em 2020 estão muito mais generosos em relação ao ano passado. Uma ótima notícia para quem gosta de fazer pequenas viagens. Entre feriados e pontos facultativos, serão (pelo menos) nove datas comemorativas – em algumas cidades, devido a feriados municipais, esse número pode chegar a 12!

A maioria dos feriadões de 2020 terão três ou quatro dias, mas quem vive na cidade do Rio de Janeiro poderá aproveitar um feriadão de oito dias – entre Tiradentes e São Jorge (18 a 26 de abril).

 

Veja quais são os Feriados 2020 (nacionais)

  • Carnaval (de sábado a terça, 22 a 25 de fevereiro)
  • Páscoa (de sexta a domingo, 10 a 12 de abril)
  • Tiradentes (de sábado a terça, 18 a 21 de abril)
  • Dia do Trabalho (de sexta a domingo, 1º a 3 de maio)
  • Corpus Christi (de quinta a domingo, 11 a 14 de junho)
  • Independência do Brasil (de sábado a segunda, 5 a 7 de setembro)
  • Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil (de sábado a segunda, 10 a 12 de outubro)
  • Finados (de sábado a segunda, 31 de outubro a 2 de novembro)
  • Natal (de quinta a domingo, 24 a 27 de dezembro)
  • Réveillon (de quinta a domingo, 31 de dezembro a 3 de janeiro)

Como aproveitar os feriados de 2020 em Florianópolis

Para começar bem o ano, nada melhor que passar o Carnaval em uma cidade repleta de opções de festas e atrações para todos os gostos e idades.  Por exemplo, para quem não abre mão da folia, Floripa tem uma agenda intensa de blocos. Os principais agitam as ruas do Centro da cidade. Além do desfile das escolas de samba, de festas em clubes e beach clubes. Isso sem falar nas baladas eletrônicas. 

[Hospede-se no Centro de Florianópolis e não perca nenhum dia de folia no Carnaval 2020!] 

Entretanto, para famílias que querem descansar, a cidade tem praias com mar manso e infraestrutura para passar um dia inteiro com muita diversão e segurança.

[Leia mais: 5 praias imperdíveis em Florianópolis]

 

Nos feriados de Páscoa e Tiradentes, o calor já não será tão intenso, e o início do outono é ideal para desbravar as trilhas de Florianópolis. É nessa época, também, que a incidência dos raios solares faz o mar de Floripa mudar de cor e ficar prateado em alguns dias. A luz do outono também atrai fotógrafos de diversas regiões do país para a capital de Santa Catarina.

[Leia mais: Trilhas de Florianópolis: Um jeito diferente de conhecer a cidade] 

 

Aproveite a gastronomia de Florianópolis

Já os que preferem experimentar toda a riqueza gastronômica de Florianópolis, os feriados do Dia do Trabalho e Corpus Crhisti são perfeitos! Com a abertura da safra da tainha, é possível se deliciar com esse peixe, que é praticamente um símbolo da cidade. Por exemplo, em junho, os restaurantes do Mercado Público costumam promover o Festival da Tainha, com promoções de pratos à base dessa iguaria e de outros frutos do mar, como a ostra cultivada em Florianópolis, que tem sua qualidade reconhecida por chefs em todo o mundo.

Em outubro tem o feriado de Nossa Senhora Aparecida e o início do feriadão de Finados. Por isso, se hospedar em Florianópolis é uma ótima opção para quem deseja aproveitar as famosas festas típicas. Afinal, elas movimentam Santa Catarina com muita comida típica e muito chope. A localização estratégica e a grande oferta de vans e ônibus de turismo que fazem o trajeto entre Florianópolis e as cidades onde acontecem os festejos, como Brusque (Fenarreco), Marejada (Itajaí) e Oktoberfest (Blumenau).

Por fim, Natal e o Ano-Novo, datas que atraem milhares de turistas que querem se divertir e descansar em um cenário repleto de belezas naturais e muitas festas.